sexta-feira, agosto 12, 2005

"Ouve ó Senhor a minha oração". Salmo 39:12.



Ó Senhor, Deus da minha salvação, dia e noite clamo diante de ti.
Chegue à tua presença a minha oração, inclina os teus ouvidos ao meu clamor;
porque a minha alma está cheia de angústias, e a minha vida se aproxima do Seol.
Já estou contado com os que descem à cova; estou como homem sem forças,
atirado entre os finados; como os mortos que jazem na sepultura, dos quais já não te lembras, e que são desamparados da tua mão.
Os meus olhos desfalecem por causa da aflição. Clamo a ti todo dia, Senhor, estendendo-te as minhas mãos.
Eu, porém, Senhor, clamo a ti; de madrugada a minha oração chega à tua presença.
Senhor, por que me rejeitas? por que escondes de mim a tua face?
Estou aflito, e prestes a morrer desde a minha mocidade; sofro os teus terrores, estou desamparado.

Salmo 88

Nenhum comentário:

Related Posts with Thumbnails